Catarse na costura

Olhem que história interessante:

Finais de semana pra mim são dias de fazer costurices para minha casa. Ao contrário dos dias de semana, em que meço, calculo, corto milimetricamente cada tecido para as minhas encomendas, sábados e domingos uso para fazer uma costura livre, sem medidas, usando sobras de tecidos, costurando livremente meus retalhos, uma catarse mesmo! Me liberto e deixo a criatividade solta na máquina.

Fui procurar uns retalhos nas minhas caixas, semana passada, e encontrei essa tirinha costurada em quadradinhos coloridos e esses florais em tons pastéis. Foi minha tia Olga quem me mandou esses retalhos, assim já costuradinhos, há um ano e meio, mais ou menos. Minha tia querida foi morar com o Papai do Céu há poucos meses e meu coração bateu mais forte quando vi esses tecidinhos. Eu não podia simplesmente deixá-los ali guardados.


Foi então que eu tive a idéia de uni-los e fazer um trilho para enfeitar a minha mesa.



Na parte de trás, usei as orelas dos tecidos (aquela parte em que as empresas imprimem as informações do tecido e que, normalmente, vão para o lixo - menos aqui em casa) e alguns retalhos de um tecido azul.



Até minha orquídea se alegrou!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Tapete em blocos

Pisando com estilo!